Arquivo da tag: Ridley Scott

The Last Duel | Filme medieval de Ridley Scott ganha trailer

Adam Driver é desafiado por Matt Damon para uma batalha.


A 20th Century Studios divulgou o primeiro trailer do épico The Last Duel, filme medieval que terá um dos grandes diretores de Hollywood, Ridley Scott, no comando. Veja abaixo:

Anúncios

O filme que é ambientado durante a Guerra dos Cem Anos explora Jean de Carrouges (Matt Damon), um cavaleiro respeitado e conhecido por sua bravura e habilidade no campo de batalha. Quando a esposa de Carrouges, Marguerite, é violentamente agredida por Jacques Le Gris (Adam Driver), uma acusação que ele nega, ela se recusa a ficar em silêncio, avançando para acusar seu agressor, um ato de bravura e desafio que coloca sua vida em perigo. O julgamento de combate que se seguiu, um duelo extenuante até a morte, coloca o destino de todos os três nas mãos de Deus.

Escrito por Nicole Holofcener, Ben Affleck e Damon, o longa é baseado em eventos reais e uma adaptação do livro “O Último Duelo: Uma Verdadeira História de Crime, Escândalo e Julgamento por Combate na França Medieval”, de Eric Jager.

Produzido por Scott, Kevin J. Walsh, Jennifer Fox, Holofcener, Damon e Affleck, tem Kevin Halloran, Drew Vinton e Madison Ainley atuando como produtores executivos.

O elenco conta com Matt Damon, Adam Driver, Jodie Comer, Ben Affleck e Harriet Walter.

The Last Duel estreia no dia 15 de outubro.

Apoie o Critical Room no Apoia.se.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Salma Hayek se junta ao elenco de House of Gucci

O filme estreia em novembro.


De acordo com o TheWrap, a atriz Salma Hayek entrou para o elenco do novo filme de Ridley Scott, House of Gucci. Hayek irá interpretar Pina Auriemma, amiga de Patrizia Reggiani, personagem que será interpretada por Lady Gaga.

Anúncios

Hayek estrelou diversos filmes como Gente Grande, Frida e o seu mais recente filme, Bliss, pela Amazon Prime Video, ao lado de Owen Wilson. A atriz ainda estará em Eternos, pela Marvel e Dupla Explosiva 2 ainda neste ano.

House of Gucci terá direção de Ridley Scott, e é baseado no livro de Sara Gay Forden, relatando a vida do estilista italiano. Com o roteiro de Roberto Bentivegna, o elenco do filme conta com Adam Driver, Lady Gaga, Jeremy Irons, Jared Leto Al Pacino. Atualmente a produção está na Itália.

O longa tem data de estreia para 24 de novembro deste ano.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Ridley Scott e Steven Knight se juntam em série sobre a 2ª Guerra Mundial

Série retratará todos os lados da Segunda Guerra.


Segundo o Deadline, Ridley Scott (Gladiador, Alien) e Steven Knight (Peaky Blinders) estão juntos em um novo projeto que contará os lados da Segunda Guerra Mundial, se baseando nos livros de Sir Antony Beevor. A minissérie de 10 episódios terá o nome de Roads to Freedom, com direção de Scott no episódio piloto.

Anúncios

Roads to Freedom mostrará as perspectivas da Segunda Guerra Mundial, não se concentrando apenas nos Estados Unidos e Reino Unido, mas também na Alemanha, França, Rússia, Itália e outros países participantes. A minissérie dramática terá mulheres e crianças lutando para sobreviver em meio ao caos de uma guerra, que ainda sentia os efeitos da Primeira Guerra Mundial e da Crise Econômica de 1929.

Este é um projeto pessoal e muito esperado pelo diretor de Gladiador e do futuro filme House of Gucci, pois, passou pela Segunda Guerra Mundial na época em que morava na Grã-Bretanha, e seu pai era coronel do exército britânico.

Steven Knight e o escritor Antony Beevor serão os roteiristas do projeto, que terá direção de Ridley Scott. A Storyteller e Scott Free Productions estão produzindo a minissérie.

Roads to Freedom não tem previsão para estrear.

Fique ligado no Critical Room para mais atualizações, e siga nosso Instagram para receber mais conteúdos incríveis! Não esqueça de se inscrever em nosso canal no YouTube.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Adam Driver e Lady Gaga estampam primeira foto de House of Gucci

Filme terá direção de Ridley Scott.


Através de suas redes sociais, Lady Gaga revelou a primeira imagem do filme House of Gucci, do diretor Ridley Scott. Ao lado da famosa cantora, o ator Adam Driver (História de Um Casamento e Star Wars) estampa também a foto. Veja: 

Anúncios

Driver interpretará Maurizio Gucci, legítimo herdeiro da linha Gucci e famoso estilista, assassinado a mando de sua ex-esposa, Patricia Reggiani, que será interpreta por Lady Gaga.

House of Gucci terá direção de Ridley Scott, e é baseado no livro de Sara Gay Forden, relatando a vida do estilista italiano. Com o roteiro de Roberto Bentivegna, o elenco do filme ainda conta com Jeremy Irons, Jared Leto Al Pacino. Atualmente a produção está na Itália.

O longa tem data de estreia para 24 de novembro deste ano.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Jodie Comer entra para o elenco de Kitbag, novo filme de Ridley Scott

Atriz interpretará esposa de Napoleão Bonaparte.


De acordo com o Deadline, a atriz Jodie Comer entrou para o elenco de Kitbag, novo filme do diretor Ridley Scott focado em Napoleão Bonaparte. Ela será Josephine, esposa do imperador francês, que será interpretado por Joaquin Phoenix.

Anúncios

Scott trabalhou com a atriz em ascensão em The Last Duel, protagonizando o filme ao lado de Ben Affleck, Matt Damon e Adam Driver. Ele não a conhecia, mesmo tendo ganho um Emmy por Killing Eve, e ficou muito satisfeito com seu trabalho na produção de The Last Duel.

Entre os trabalhos de Jodie, estão a série Killing Eve, da BBC e The White Princess, da Starz. Ela faturou um Emmy de Melhor Atriz em Série Dramática, na edição de 2019, e também um BAFTA no mesmo ano.

Intitulado Kitbag, o filme irá explorar a vida do imperador francês, Napoleão Bonaparte, contando sua origem, seus tempos de imperador e conquistador e sua relação com Josephine, sua esposa. A intenção do diretor é capturar suas famosas batalhas e sua ambição em ser um grande conquistador e líder.

Kitbag não tem data para estrear. A produção será da Apple Studios.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Joaquin Phoenix vai interpretar Napoleão em filme de Ridley Scott

Apple Studios irá bancar o novo filme do cineasta.


Ridley Scott, diretor do aclamado Gladiador, está preparando um novo filme sobre um grane período da história e irá retratar a vida do líder militar da França, Napoleão Bonaparte, que já tem seu ator. O astro de Coringa, Joaquin Phoenix, irá interpretar Bonaparte no novo longa de Scott (via Deadline).

Anúncios

Intitulado Kitbag, o filme irá explorar a vida do imperador francês, Napoleão Bonaparte, contando sua origem, seus tempos de imperador e conquistador e sua relação com Josephine, sua esposa. A intenção do diretor é capturar suas famosas batalhas e sua ambição em ser um grande conquistador e líder.

Ridley Scott está à todo vapor, fazendo seus filmes. O Último Duelo, com Ben Affleck e Matt Damonse encontra em pós-produção, enquanto Gucci já entrou em pré-produção, com suas filmagens para serem começadas em março.

Não é o primeiro trabalho de Phoenix com o famoso cineasta. O ator já trabalhou em Gladiador, interpretando o imperador Commodus.

Kitbag não tem data para estrear.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Fazer uma contribuição uma única vez

Fazer uma contribuição mensal

Fazer uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou digite um valor personalizado:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Gladiador é um clássico que merece ser visto!

Os anos 2000 foram repletos de filmes incríveis tendo Christian Bale em Psicopata Americano, Mel Gibson estrelando O Patriota e o começo dos X-Men no cinema, pondo os heróis nas telonas novamente. Mas entre todos estes e mais alguns, Ridley Scott fez o melhor filme do ano considerado pelo Oscar, Gladiador!


“O que fazemos em vida ecoa na eternidade.”


Elenco formidável

O papel destacado para Russel Crowe foi perfeito. Um dos melhores desempenhados em sua carreira, se não o melhor. Sendo um comandante do exército, posteriormente vendido como escravo, Maximus buscava vingança pelo que fizeram com sua esposa e filho, e sabia quem foi, Commodus. Commodus, interpretado por Joaquin Phoenix, era o sucessor de seu pai Marco Aurélio, imperador romano que trouxe a paz para Roma e que fora assassinado por seu próprio filho. A reviravolta acontece quando Maximus é mandado pelo imperador para ser executado pelos Pretorianos (soldados do império). Ele luta contra e sobrevive, indo atrás de sua família para salvá-los, mas chega do tarde demais.

Maximus e o Imperador

Cansado e com a saúde frágil, o imperador que trouxe a Pax Romana precisava de um homem que pudesse substituí-lo e ser melhor do que ele jamais foi. Para isso, ele escolheu Maximus como substituto, sabendo que Commodus, seu filho, colocaria a ambição em primeiro lugar. Marco Aurélio via o comandante de sua legião alguém que não tinha se corrompido pela política, como ele mesmo e o Senado. O último desejo do César era que Roma voltasse a ser o que era, com uma paz duradoura e uma república a seguir.

“Conquiste Roma e devolva ao povo.”

Gladiador vs Tirano

Commodus foi maníaco o bastante para um imperador romano. Sua retratação no filme é algo mais além, já que a história real do filho de Marco Aurélio é diferente. Nascido em 161 d.C, se tornou César aos 5 anos de idade. O interesse de Commodus era mais para a parte amorosa do que política. Reinou sem seu pai a partir de 180, após a morte do mesmo. Sofreu conspiração de sua própria irmã e mãe, executando-as. Seu governo era instável, e para amenizar, usufruía da política do “Pão e Circo”, dando espetáculos de gladiadores ao povo e ainda lutando no anfiteatro como um.

No filme, ele é mais megalomaníaco do que na vida real. Matou seu pai, tornando-se sucessor e odiado pelo povo e Senado no começo. Logo, teve de aplicar o “Pão e Circo” para que o foco do povo fosse outro. Além disso, Commodus também sofreu conspiração de sua irmã, Lucila (Connie Nielsen), mas não matou. Ainda lutou na arena no final do filme contra Maximus.

Enredo

Gladiador se passa no ano de 180 d.C, mostrando Roma nas Guerras Marcomanas e o sucesso de Maximus contra os bárbaros. O comandante era um fenômeno para o exército e para o imperador. Após a morte de Marco Aurélio e a ascensão de Commodus ao trono, Maximus é mandado para morrer. Ao sobreviver, ele vai atrás de sua família e os encontra mortos. É vendido como escravo, e usado como gladiador. O único objetivo dele era se vingar de Commodus por destruir sua vida e matar esposa e filho.

Batalhas

As batalhas do filme são incríveis, jorrando sangue pra tudo quanto é lado. Mas as melhores, claro, são as dos gladiadores enquanto lutam no coliseu contra a bárbara horda. Uma sequência cheia de ação e brutalidade, que mostra a estratégia usada por Maximus contra seus inimigos.

Cenas marcantes

A obra de Ridley Scott não faltou cenas marcantes. São tantas que listamos apenas três:

1 – “Vocês não estão se divertindo?”

2 – “Meu nome é Gladiador.”

3 – “Vá para eles, Maximus.”

Trilha sonora

É com toda a certeza um dos pontos mais altos do filme. A trilha sonora composta por Hans Zimmer e Klaus Badelt é sem dúvidas, uma das melhores já vistas no cinema.

Uma trilha que torna-se épica e barulhenta em batalhas, inspiradora em vitórias, dramáticas em fugas e tristes em mortes. As mais notáveis são; The Battle, Elysium, Honor Him e Now We Are Free, com a voz de Lisa Gerrard.

Afinal, Gladiador é o melhor filme sobre história?

Para muitos, sim, pela história contada de uma forma mais realista, mostrando um impecável visual da Roma Antiga nas telonas, sendo tão glorioso quanto em pinturas ou na imaginação. Gladiador, mesmo que não siga totalmente uma história real, usa personagens que existiram para moldar um filme com um que nunca existiu, Maximus.

Recebeu várias indicações ao Oscar, BAFTA, Globo de Ouro e MTV Movie Awards, tendo 13 premiações, incluindo de melhor ator, melhor filme, melhor som, melhor trilha sonora, figurino efeitos especiais, entre outros.

Além de ser emocionante em seu final, o roteiro é incrível, mesmo distorcendo Commodus, mas trazendo a ruína que ele causou ao Império Romano.

Gladiador serviu de inspiração para outros diretores, alavancando o tema sobre história nos cinemas. O longa, a cada ano que passa, não perde sua grandiosidade, sendo um filme que merece ser visto por várias gerações, tornando-o inesquecível!