Arquivo da tag: Marvel

Christian Bale é visto como Gorr no set de Thor 4

Ator interpretará o vilão do filme.


Algumas imagens do set de Thor: Amor e Trovão vazaram, revelando um primeiro olhar sobre Gorr, o Carniceiro, que será interpretado por Christian Bale. Confira: 

Anúncios

As filmagens do quarto filme do Thor estão acontecendo desde o início do ano, na Austrália. As gravações principais já foram finalizadas, e alguns atores retornam para novas cenas.

O elenco do filme conta com Chris Hemsworth (Thor)Natalie Portman (Jane Foster)Christian Bale (Gorr)Chris Pratt (Senhor das Estrelas)Karen Gillan (Nebula) Sean Gunn (Kraglin).

Thor: Amor e Trovão chega em 6 de maio de 2022 aos cinemas.

Fique ligado no Critical Room para mais atualizações de Thor 4, seguindo nosso Instagram e se inscrevendo em nosso canal no YouTube.

Apoie o Critical Room no Apoia.se.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Ms. Marvel | Nova arte promocional destaca traje da heroína

Puro quadrinho.


O MCU Facility, página no Twitter voltada para os filmes e séries da Marvel Studios, divulgou uma arte promocional da série Ms. Marvel, destacando o traje completo da personagem. Veja abaixo:

Anúncios

Criada por Sana Amanat, Stephen WackerG. Willow WilsonAdrian Alphona e Jamie McKelvie, a Kamala Khan apareceu pela primeira vez nos quadrinhos da Capitã Marvel, em Capitã Marvel #14. Capitã era sua heroína favorita, e quando a jovem muçulmana ganhou seus poderes, ela adotou o antigo nome da super-heroína, Miss Marvel.

Adil El Arbi Bilall Falah dirigem a série produzida pela Disney+, que será estrelada por Iman Vellani.

A série não tem data para estrear.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Sony divulga novo trailer de Venom: Tempo de Carnificina

Carnificina e Venom se enfrentam em trailer.


A Sony Pictures divulgou o segundo trailer do filme Venom: Tempo de Carnificina, mostrando os famosos inimigos do Homem-Aranha em um duelo de titãs. Confira:

Anúncios

Sinopse: “O relacionamento entre Eddie e Venom está evoluindo. Buscando a melhor forma de lidar com a inevitável simbiose, esse dois lados descobrem como viver juntos e, de alguma forma, se tornarem melhores juntos do que separados.”

Com o diretor Andy Serkis no comando, a sequência de Venom conta com os retornos de Tom Hardy (Eddie Brock)Michelle Williams (Anne)Woody Harrelson (Cletus Kasady) e Reid Scott (Dan Lewis) Naomie Harris, Stephen Graham, Sean Delaney e Larry Olubamiwo completam o elenco.

Venom: Tempo de Carnificina estreia no dia 24 de setembro.

Apoie o Critical Room no Apoia.se.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Marion Dayre, roteirista de Better Call Saul, está envolvida em projeto no MCU

Informação foi confirmada pela roteirista em seu Instagram.


Marion Dayre, roteirista de Better Call Saul, está envolvida em um projeto do MCU que “Está Para ser Anunciado”. A informação veio das próprias redes sociais da escritora, e também em seu currículo para a vaga de mentora na Universidade Estadual de São Francisco (via ComicBook)

marion-dayre-new-marvel-series-in-development-1277417

O investimento em séries tem dado um bom retorno para o MCU, já que as três primeiras produções conquistaram o público.

Como o projeto está na fase TBA, talvez demore algumas semanas até que a Marvel anuncie oficialmente o projeto que Dayre está envolvida, mas a expectativa é grande, principalmente pelo alto nível do roteiro de Better Call Saul.

Apoie o Critical Room no Apoia.se.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Rumor: Série sobre Secret Warriors está em desenvolvimento na Marvel

Informação é do site Giant Freakin Robot.


Com o sucesso das séries da Marvel, não é de se estranhar que cada vez mais produções nesse formato sejam desenvolvidas, principalmente quando os personagens funcionam melhor em uma série de 8 episódios do que em um filme de duas horas. 

Esse próximo projeto é sobre a equipe Secret Warriors, que fez sua primeira aparição nos quadrinhos em 2008, durante o arco Invasão Secreta, que coincidentemente também será adaptado no MCU (via Giant Freakin Robot).

Outro fator interessante sobre a equipe, é que personagens como Nick Fury, Capitã Marvel e Quake podem aparecer na série. Sobre a Quake, interpretada por Chloe Bennet em Agentes da Shield, ela pode retornar para o papel, o que não seria nenhuma grande surpresa.

Com tantos projetos, o MCU demonstra sua capacidade de se reinventar e trazer cada vez mais novidades para o público que pensou que Vingadores: Ultimato seria o ápice desse universo.

Apoie o Critical Room no Apoia.se.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Gavião Arqueiro | Série ganha primeira imagem

Marvel confirma lançamento para novembro.


A Marvel divulgou a primeira imagem da série do Gavião Arqueiro, estrelada por Jeremy Renner e Hailee Steinfeld, confirmando lançamento para 24 de novembro. Veja:

Anúncios

Até o momento, o projeto conta com Jeremy RennerHailee SteifeldAlaqua Cox, Florence Pugh no elenco, Etan Cohen e Emily Cohen como roteiristas e Kevin Feige como produtor. Nenhum detalhe da trama foi divulgado. Por enquanto, sabemos que Eco ganhará uma série a partir de Gavião Arqueiro.

Gavião Arqueiro estreia em 24 de novembro de 2021.

Apoie o Critical Room no Apoia.se.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Diretor anuncia início da produção de Homem-Formiga e a Vespa: Quantumania

Filme estreia em 2023.


Através de uma publicação no Twitter, o diretor Peyton Redd anunciou o início da produção principal de Homem-Formiga e a Vespa: Quantumania, que está acontecendo no Reino Unido. Veja:

Anúncios

Até o momento, não há detalhes sobre o roteiro do terceiro filme, mas sabemos que Kang, o Conquistador (Jonathan Majors), será o vilão principal.

O elenco conta com Paul RuddEvangeline LilyMichael DouglasKathryn Newton, Jonathan Majors Michelle Pfeiffer. Peyton Reed, que dirigiu Homem Formiga Homem Formiga e Vespa, assinou para dirigir o terceiro, com roteiro de Jeff Loveness.

Os dois filmes juntos arrecadaram pouco mais de US$ 1 bilhão, tendo críticas positivas, especialmente no primeiro. O terceiro filme poderia vir para encerrar o ciclo do herói no MCU.

Homem-Formiga e a Vespa: Quantumania estreia em 17 de fevereiro de 2023.

Fique ligado no Critical Room para mais atualizações de Homem-Formiga e a Vespa: Quantumania, seguindo nosso Instagram e se inscrevendo em nosso canal no YouTube.

Apoie o Critical Room no Apoia.se.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Rumor: Vincent D’Onofrio pode aparecer na série do Gavião Arqueiro

O ator curtiu a publicação que citou o rumor.


De acordo com o Marvel Studios Spoilers, o ator Vincent D’Onofrio reprisará o seu papel como Wilson Fisk na série do Gavião Arqueiro. Se isso acontecer, a série do Demolidor da Netflix pode se tornar cânone do MCU.

Segundo o rumor, um olheiro nos bastidores da série confirmou o envolvimento do ator, e após D’Onofrio curtir uma publicação sobre esse rumor, as expectativas aumentaram. Porém, não durou muito tempo e ele descurtiu.

Até o momento, o projeto conta com Jeremy RennerHailee SteifeldAlaqua Cox, Florence Pugh no elenco, Etan Cohen e Emily Cohen como roteiristas e Kevin Feige como produtor. Nenhum detalhe da trama foi divulgado. Por enquanto, sabemos que Eco ganhará uma série a partir de Gavião Arqueiro.

Gavião Arqueiro deve estrear em dezembro de 2021.

Apoie o Critical Room no Apoia.se.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

SDCC 21 | Confira os vencedores da 33ª edição do Eisner Awards

Superman faturou quatro prêmios.


Como é de costume em toda San Diego Comic-Con, acontece o Eisner Awards, premiação dos melhores quadrinhos, que inclui todas as editoras de quadrinhos, como a DC Comics, Marvel, Dark Horse, Image Comics e diversas outras que publicam suas bandas desenhadas. Em mais um ano, a premiação aconteceu de forma remota, já que o evento está sendo todo online por conta da pandemia do Coronavírus. 

Eisner Awards 2021 contou com a apresentação de Phil LaMarr, dublador do Lanterna Verde na série animada da Liga da Justiça, tendo a abertura da administradora do EisnerJackie Estrada, que também encerrou a cerimônia. O Eisner Awards premiou, em 33 categorias, quadrinhos publicados no ano de 2020 e contou com um total de seis juízes.

Confira a lista completa de indicados e vencedores:


Melhor História Curta

Vencedor:“When the Menopausal Carnival Comes to Town,” por Mimi Pond, em Menopause: A Comic Treatment (Graphic Medicine/Pennsylvania State University Press)

Indicados: Garden Boys de Henry McCausland, em Now #8 (Fantagraphics), I Needed the Discounts de Connor Willumsen (The New York Times), Parts of Us,” de Chan Chau, em Elements: Earth, A Comic Anthology by Creators of Color (Ascend Press), Rookie, por Greg Rucka e Eduardo Risso, em Detective Comics #1027 (DC), Soft Lead, de Chan Chau

Melhor Edição Única

Vencedor: Our Favorite Thing Is My Favorite Thing Is Monsterspor Emil Ferris (Fantagraphics)

Indicados: Coin-Op No. 8: Infatuationpor Peter e Maria Hoey (Coin-Op Books)The Freakpor Matt Lesniewski (AdHouse)Minotäarpor Lissa Treiman (Shortbox) e Sobekpor James Stokoe (Shortbox)

Melhor Série Contínua

Vencedor: Usagi Yojimbo, de Stan Sakai (IDW)

Indicados: Bitter Root, de David F. Walker, Chuck Brown, e Sanford Greene (Image), Daredevil, de Chip Zdarsky e Marco Checchetto (Marvel), The Department of Truth, por James Tynion IV e Martin Simmonds (Image), Gideon Falls, de Jeff Lemire and Andrea Sorrentino (Image) e Stillwater, por Chip Zdarsky e Ramón K Pérez (Image/Skybound)

Melhor Antologia

Vencedor: Menopause: A Comic Treatment, editada por MK Czerwiec (Graphic Medicine/Pennsylvania State University Press)

Indicados: Ex Mag, volumes 1–2, editada por Wren McDonald (PEOW), Guantanamo Voices: True Accounts from the World’s Most Infamous Prison, editada por Sarah Mirk (Abrams), Hey, Amateur! Go From Novice to Nailing It in 9 Panels, editada e com curadoria de Shelly Bond (IDW Black Crown), Los Angeles Times, editada por Sammy Harkham (NTWRK) e Now, editada por Eric Reynolds (Fantagraphics)

Melhor Edição Norte-Americana de Conteúdo Internacional

Vencedor: Goblin Girl, de Moa Romanova, tradução de Melissa Bowers (Fantagraphics)

Indicados: Altitude, de Olivier Bocquet e Jean-Marc Rochette, tradução de Edward Gauvin (SelfMadeHero), Gamayun Tales I: An Anthology of Modern Russian Folk Tales, de Alexander Utkin, tradução de Lada Morozova (Nobrow),Irena Books 2-3, de Jean-David Morvan, Severine Tréfouël, e David Evrard, tradução de Dan Christensen (Magnetic Press), When You Look Up, de Decur, tradução de Chloe Garcia Roberts (Enchanted Lion Books) e The Winter of the Cartoonist, de Paco Roca, tradução de Andrea Rosenberg (Fantagraphics)

Melhor Edição Norte-Americana de Conteúdo Asiático

Vencedor: Remina, de Junji Ito, tradução de Jocelyne Allen (VIZ Media)

Indicados: I Had That Same Dream Again, de Yoru Sumino e Idumi Kirihara, tradução de Beni Axia Conrad (Seven Seas), I Wish I Could Say “Thank You,” de Yukari Takinami, tradução de Yukari Takeuchi (Fanfare/Ponent Mon), A Journal Of My Father, de Jiro Taniguchi, tradução de Kumar Sivasubramanian (Fanfare/Ponent Mon), Ping Pong, vols. 1–2, de Taiyo Matsumoto, tradução de Michael Arias (VIZ Media) e Spy x Family, vols. 1–3, de Tatsuya Endo, tradução de Casey Loe (VIZ Media)

Melhor Roteirista

Vencedor: James Tynion IV, Something Is Killing the Children, Wynd (BOOM! Studios); Batman (DC); The Department of Truth (Image); Razorblades (Tiny Onion)

Indicados: Ed Brubaker, Pulp, Reckless (Image); Friday (Panel Syndicate), Matt Fraction, Superman’s Pal Jimmy Olsen (DC); Adventureman, November vols. 2–3, Sex Criminals (Image), Jonathan Hickman, Decorum (Image); Giant-Size X-Men, X-Men (Marvel), Jeff Lemire, Barbalien, Black Hammer, Colonel Weird: Cosmagog (Dark Horse); The Question: The Deaths of Vic Sage (DC Black Label); Family Tree, Gideon Falls (Image) e Chip Zdarsky, Stillwater (Image/Skybound), Daredevil, Fantastic Four/X-Men (Marvel)

Melhor Roteirista e Artista

Vencedor: Junji Ito, Remina, Venus in the Blind Spot (VIZ Media)

Indicados: Pascal Jousselin, Mister Invincible: Local Hero (Magnetic Press), Trung Le Nguyen, The Magic Fish (RH Graphic/RH Children’s Books), Craig Thompson, Ginseng Roots (Uncivilized), Adrian Tomine, The Loneliness of the Long-Distance Cartoonist (Drawn & Quarterly) e Gene Luen Yang, Dragon Hoops (First Second/Macmillan)

Melhor Artista ou Equipe de Artistas

Vencedores: Michael Allred, Bowie: Stardust, Rayguns & Moonage Daydreams (Insight Editions)

Indicados: Marco Chechetto, Daredevil (Marvel), Jorge Corona, Middlewest (Image), Bertrand Gatignol, Pistouvi (Magnetic Press), Mitch Gerads/Evan “Doc” Shaner, Strange Adventures (DC Black Label) e Sanford Greene, Bitter Root (Image)

Melhor Artista Digital

Vencedor: Anand RK/John Pearson, Blue in Green (Image)

Indicados: Benjamin Adam, Soon (Europe Comics), Alice Chemama, The Zolas (Europe Comics), Jared Cullum, Kodi (Top Shelf), Decur, When You Look Up (Enchanted Lion Books) e Antonio Lapone, Gentlemind (Europe Comics)

Melhor Artista de Capa

Vencedor: Peach Momoko, Buffy the Vampire Slayer #19, Mighty Morphin #2, Something Is Killing the Children #12, Power Rangers #1 (BOOM! Studios); DIE!namite, Vampirella (Dynamite); The Crow: Lethe (IDW); Marvel Variants (Marvel)

Indicados: Jamal Campbell, Mighty Morphin Power Rangers (BOOM! Studios); Far Sector (DC), Simone Di Meo, We Only Find Them When They’re Dead (BOOM! Studios), Mike Huddleston, Decorum (Image), Dave Johnson, Butcher of Paris (Dark Horse) e Ramón K. Pérez, Stillwater (Image/Skybound)

Melhor Colorista

Vencedor: Laura Allred, X-Ray Robot (Dark Horse); Bowie: Stardust, Rayguns & Moonage Daydreams (Insight Editions)

Indicados: Jean-Francois Beaulieu, Middlewest (Image), Gipi, One Story (Fantagraphics), Marte Gracia, Empyre, X of Swords (Marvel), Dave Stewart, Promethee 13:13 (comiXology); Black Hammer (Dark Horse); Gideon Falls (Image); Spider-Man #4-#5 (Marvel) e Matt Wilson, Undiscovered Country (Image)Fire Power (Image/Skybound); Thor (Marvel)

Melhor Letrista

Vencedor:Stan Sakai, Usagi Yojimbo (IDW)

Indicados: Mike Allred, Bowie: Stardust, Rayguns & Moonage Daydreams (Insight Editions), Deron Bennett, Bear, The Sacrifice of Darkness (Archaia); King of Nowhere, Something Is Killing the Children, We Only Find Them When They’re Dead (BOOM! Studios); Far Sector, Harley Quinn: Black + White + Red, Martian Manhunter (DC); Excellence (Image/Skybound); A Dark Interlude, Dark One, Relics of Youth, Resonant, Shadow Service, Vampire: The Masquerade: Winter’s Teeth (Vault); Ping Pong (VIZ Media), Aditya Bidikar, Barbalien: Red Planet, Grafity’s Wall Expanded Edition (Dark Horse); John Constantine, Hellblazer (DC); A Map to the Sun (First Second); The Department of Truth, Lost Soldiers (Image); Giga, The Picture of Everything Else (Vault), Clayton Cowles, Aquaman, Batman, Batman and the Outsiders, Strange Adventures, Superman: Man of Tomorrow, Superman’s Pal Jimmy Olsen (DC); Adventureman, Bitter Root, Bog Bodies, Die (Image); Reaver (Image/Skybound); Morbius, X Of Swords (Marvel) e Rus Wooton, Wonder Woman: Dead Earth (DC); Decorum, Monstress (Image); Die!Die!Die!, Fire Power, Oblivion Song, Outcast, Stillwater (Image/Skybound) 

Melhor Design de Publicação

Vencedores: The Loneliness of the Long-Distance Cartoonist, de Adrian Tomine e Tracy Huron (Drawn & Quarterly)

Indicados: Chasin’ the Bird: Charlie Parker in California deluxe edition, de David Chisholm e Tyler Boss (Z2 Comics), Dbury@50: The Complete Digital Doonesbury, por G.B. Trudeau, design de George Corsillo e Susan McCaslin (Andrews McMeel), J & K, de John Pham (Fantagraphics) e Original Art: The Dan Clowes Studio Edition, de Daniel Clowes (Fantagraphics)

Melhor HQ Digital

Vencedor: Friday, de Ed Brubaker e Marcos Martin (Panel Syndicate)

Indicados: Genius Animals? de Vali Chandrasekaran e Jun-Pierre Shiozawa, geniusanimals.net, Gentlemind, de Juan Díaz Canales, Teresa Valero, e Antonio Lapone (Europe Comics), Promethee 13:13, by Andy Diggle and Shawn Martinbrough (comiXology Originals/Delcourt), Olive, de Véro Cazot e Lucy Mazel (Europe Comics) e Soon, de Thomas Cadène e Benjamin Adam (Europe Comics)

Melhor Webcomic

Vencedor: Crisis Zone, de Simon Hanselmann

Indicados: BFF, de Clément C. Fabre, Joseph Saffiedine e Thomas Cadène, DPS! Only, de Vel, Isle of Elsi, de Alec Longstreth, The Kiss Bet, de Ingrid Ochoa e The Middle Age, de Steve Conley

Melhor Publicação Para Jovens Leitores

Vencedor: Our Little Kitchen, por Jillian Tamaki (Abrams Books for Young Readers)

Indicados: Bear, por Ben Queen e Joe Todd-Stanton (Archaia/BOOM!), Cat Kid Comic Club, de Dav Pilkey (Scholastic Graphix), Donut Feed the Squirrels, de Mika Song (RH Graphic/RH Children’s Books), Kodi, de Jared Cullum (Top Shelf) e Lift, por Minh Lê e Dan Santat (Little, Brown Young Readers)

Melhor Publicação Infantil

Vencedor: Superman Smashes the Klan, por Gene Luen Yang e Gurihiru (DC)

Indicados: Doodleville, por Chad Sell (Knopf/BFYR/RH Children’s Books), Go with the Flow, de Lily Williams e Karen Schneemann (First Second/Macmillan), Mister Invincible: Local Hero, por Pascal Jousselin (Magnetic Press), Snapdragon, de Kat Leyh (First Second/Macmillan) e Twins, de Varian Johnson e Shannon Wright (Scholastic Graphix)

Melhor Publicação Para Adolescentes

Vencedor: Dragon Hoops, de Gene Luen Yang (First Second/Macmillan)

Indicados: Check, Please! Book 2: Sticks & Scones, de Ngozi Ukazu (First Second/Macmillan), Displacement, por Kiku Hughes (First Second/Macmillan), Fights: One Boy’s Triumph Over Violence, de Joel Christian Gill (Oni Press), A Map to the Sun, por Sloane Leong (First Second/Macmillan) e When Stars are Scattered, por Victoria Jamieson e Omar Mohamed (Dial Books)

Melhor Publicação de Comédia

Vencedor: Superman’s Pal Jimmy Olsen, de Matt Fraction e Steve Lieber (DC)

Indicados: The Complete Fante Bukowski, de Noah Van Sciver (Fantagraphics), Department of Mind-Blowing Theories, por Tom Gauld (Drawn & Quarterly), FANGS, de Sarah Andersen (Andrews McMeel), Wendy, Master of Art, por Walter Scott (Drawn & Quarterly) e What If We Were . . ., por Axelle Lenoir (Top Shelf)

Melhor Adaptação de Outra Mídia

Vencedor: Superman Smashes the Klan, adaptado por Gene Luen Yang e Gurihiru (DC)

Indicados: Constitution Illustrated, de R. Sikoryak (Drawn & Quarterly), Parable of the Sower: The Graphic Novel Adaptation, por Octavia E. Butler, adaprado por Damian Duffy e John Jennings (Abrams), Sapiens: A Graphic History: The Birth of Mankind, volume 1, de Yuval Noah Harari, adaptado por David Vandermeulen e Daniel Casanave (Harper Perennial) e Slaughterhouse-Five, por Kurt Vonnegut, adaptado por Ryan North e Albert Monteys (Archaia/BOOM!)

Melhor Coleção de Arquivos: Tirinhas

Vencedor: The Flapper Queens: Women Cartoonists of the Jazz Age, editado por Trina Robbins (Fantagraphics)

Indicados: Gross Exaggerations: The Meshuga Comic Strips of Milt Gross, por Milt Gross, editado por Peter Maresca (Sunday Press/IDW), Krazy & Ignatz 1919-1921 by George Herriman, editado por RJ Casey (Fantagraphics), Little Debbie and the Second Coming of Elmo: Daily Comic Strips, August 1960–September 1961, por Cecil Jensen, editado por Frank Young (Labor of Love) e Pogo The Complete Syndicated Comic Strips: Volume 7: Pockets Full of Pie, de Walt Kelly, editado por Mark Evanier and Eric Reynolds (Fantagraphics)

Melhor Quadrinho Biográfico

Vencedor: The Loneliness of the Long-Distance Cartoonist, by Adrian Tomine (Drawn & Quarterly)

Indicados: Banned Book Club, by Kim Hyun Sook, Ryan Estrada, and Ko Hyung-Ju (Iron Circus), Dancing After TEN: A Graphic Memoir, by Vivian Chong and Georgia Webber (Fantagraphics), Ginseng Roots, by Craig Thompson (Uncivilized), I Don’t Know How to Give Birth! by Ayami Kazama, translated by Julie Goniwich (Yen Press) e When Stars Are Scattered, by Victoria Jamieson and Omar Mohamed (Dial Books)

Melhor Texto Jornalístico Relacionado a Quadrinhos

Vencedor: Women Write About Comics, editado por Nola Pfau e Wendy Browne

Indicados: Alter Ego, editado por Roy Thomas (TwoMorrows), Back Issue, editado por Michael Eury (TwoMorrows), The Comics Blog, de Michael Cavna e David Betancourt, The Comics Journal, editado por RJ Casey, Kristy Valenti e Gary Groth (Fantagraphics) e PanelxPanel magazine, editado por Hassan Otsmane-Elhaou

Melhor Livro Relacionado a Quadrinhos

Vencedor: Invisible Men: The Trailblazing Black Artists of Comic Books, de Ken Quattro (Yoe Books/IDW)

Indicados: American Daredevil: Comics, Communism, and the Battles of Lev Gleason, de Brett Dakin (Comic House/Lev Gleason), Ditko Shrugged: The Uncompromising Life of the Artist Behind Spider-Man and the Rise of Marvel Comics, de David Currie (Hermes Press), Drawing Fire: The Editorial Cartoons of Bill Mauldin, editado por Todd DePastino (Pritzker Military Museum & Library), The History of EC Comics, de Grant Geissman (TASCHEN) e Masters of British Comic Art, dey David Roach (2000AD)

Melhor Trabalho Acadêmico

Vencedor: The Content of Our Caricature: African American Comic Art and Political Belonging, de Rebecca Wanzo (New York University Press)

Indicados: Comic Art in Museums, editado por Kim A. Munson (University Press of Mississippi), Comic Studies: A Guidebook, editado por Charles Hatfield e Bart Beaty (Rutgers University Press), Webcomics, de Sean Kleefeld (Bloomsbury) e Who Understands Comics: Questioning the Universality of Visual Language Comprehension, de Neil Cohn (Bloomsbury)

Melhor Série Nova

Vencedor: Black Widow, de Kelly Thompson e Elena Casagrande (Marvel)

Indicados: Crossover, por Donny Cates e Geoff Shaw (Image), The Department of Truth, de James Tynion IV e Martin Simmonds (Image), Killadelphia, por Rodney Barnes e Jason Shawn Alexander (Image) e We Only Find Them When They’re Dead, por Al Ewing e Simone Di Meo (BOOM! Studios)

Melhor Minissérie

Vencedor: Superman’s Pal Jimmy Olsen, de Matt Fraction e Steve Lieber (DC)

Indicados: Barbalien: Red Planet, de Jeff Lemire, Tate Brombal, and Gabriel Hernandez Walta (Dark Horse), Decorum, por Jonathan Hickman e Mike Huddleston (Image), Far Sector, de N. K. Jemisin e Jamal Campbell (DC), Strange Adventures, por Tom King, Mitch Gerads e Evan “Doc” Shaner (DC Black Label) e We Live, por Inaki Miranda e Roy Miranda (AfterShock)

Melhor Trabalho Baseado em Fatos

Vencedor: Kent State: Four Dead in Ohio, por Derf Backderf (Abrams)

Indicados: Big Black: Stand at Attica, por Frank “Big Black” Smith, Jared Reinmuth, e Améziane (Archaia/BOOM!), Dragon Hoops, por Gene Luen Yang (First Second/Macmillan), Invisible Differences: A Story of Asperger’s, Adulting, and Living a Life in Full Color, de Mme Caroline e Julie Dachez, tradução de Edward Gauvin (Oni Press), Paying the Land, de Joe Sacco (Metropolitan/Henry Holt) e Year of the Rabbit, por Tian Veasna, tradução de Helge Dascher (Drawn & Quarterly)

Melhor Reimpressão de Álbum Gráfico

Vencedor: Seeds and Stems, de Simon Hanselmann (Fantagraphics)

Indicados: Black Hammer Library Edition, volume 2, por Jeff Lemire, Dean Ormstom, Emi Lenox e Rich Tommaso (Dark Horse), Criminal Deluxe Edition, volume 3, de Ed Brubaker e Sean Phillips (Image), Eight-Lane Runaways, por Henry McCausland (Fantagraphics), Fante Bukowski: The Complete Works, de Noah Van Sciver (Fantagraphics) e Herobear and the Kid: The Heritage, por Mike Kunkel (Astonish Factory)

Melhor Novo Álbum Gráfico

Vencedor: Pulp, de Ed Brubaker e Sean Phillips (Image)

Indicados: The Book Tour, de Andi Watson (Top Shelf), Dragman, por Steven Appleby (Metropolitan), Flake, de Matthew Dooley (Jonathan Cape), Labyrinth, de Ben Argon (Abrams) e Paul at Home, por Michel Rabagliati, traduzido por Helge Dascher e Rob Aspinall (Drawn & Quarterly)


Confira toda a cerimônia do Eisner Awards 2020, na San Diego Comic-Con:

Quer saber mais sobre o evento online? A San Diego Comic-Con @Home acontece do dia 23 ao dia 25 de julho. Confira a programação.

Apoie o Critical Room no Apoia.se.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

She-Hulk | Josh Segarra entra para o elenco da série

Ator esteve em Arrow.


Segundo o Deadline, o ator Josh Segarra foi escalado para integrar o elenco da série She-Hulk, da Disney+. Até o momento, não se sabe quem ele irá interpretar.

Anúncios

Segarra ficou muito conhecido ao interpretar o vilão Prometheus na quinta temporada de Arrow. Seus créditos ainda incluem as séries FBI, AJ and the Queen e The Other Two.

She-Hulk será produzida pela Disney+, que encomendou 10 episódios com cerca de 30 minutos cada.

Jeniffer Walters é prima de Bruce Banner, e uma advogada. Ela herda os poderes do Hulk após uma transfusão de sangue, e diferentemente dele, ela consegue controlar seus poderes, não se tornando uma máquina mortífera.

O elenco conta com Tatiana Maslany, Mark Ruffalo, Tim RothRenée Elise Goldsberry, Jameela Jamil Ginger GonzagaA série terá direção de Kat Coiro e Anu ValiaJessica Gao assina o roteiro.

Fique ligado no Critical Room para mais atualizações de She-Hulk, seguindo nosso Instagram e se inscrevendo em nosso canal no YouTube.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Bassam Tariq está em negociações para dirigir Blade

O diretor é conhecido pelo trabalho em Mogul Mowgli.


Após o anúncio de Blade, a Marvel está prestes a anunciar o diretor do longa. Segundo o Deadline, as negociações com Bassam Tariq, conhecido pelo trabalho em Mogul Mowgli, estão em estágios iniciais.

A roteirista do longa é Stacy Osei-Kuffour, que trabalhou na série Watchmen. A missão de Feige é diversificar cada vez mais o elenco que aparece na frente das câmeras, como também os que estão por trás delas.

Blade foi um dos primeiros personagens de quadrinhos a receber uma adaptação para as telonas. Sua trilogia que se encerrou em 2004 fez um enorme sucesso na época, mas após isso, o personagem foi deixado de lado, retornando para o cinema somente depois do anúncio de seu filme protagonizado por Mahershala Ali.

Blade foi anunciado durante a Comic-Con de 2019 e ainda não possui uma data de estreia definitiva.

Apoie o Critical Room no Apoia.se.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Pantera Negra 2: Winston Duke confirma seu retorno para a sequência

O ator é intérprete do M`Baku.


O ator Winston Duke ainda não havia sido confirmado no elenco da sequência de Pantera Negra: Wakanda Forever, mas em uma entrevista ao Collider, durante um evento para promover seu mais novo filme, Nine Days, o ator confirmou que seu personagem, M´Baku, retornará.

O ator comentou sobre quão emocionante foi se preparar para o filme, por conta da morte trágica e precoce de Chadwick Boseman no ano passado.

“Foi muito emocionante ler o roteiro. Foi emocionante fazer as malas para voltar ao set. Mas agora somos todos um pouco uma família e sofremos juntos, e estamos fazendo algo realmente especial”, disse Winston.

Pantera Negra 2 não possui muitos detalhes sobre o enredo principal. A sequência será escrita e dirigida por Ryan Coogler. Até o momento, o elenco deverá contar com Letitia Wright, Lupita Nyong’oWinston DukeMartin Freeman e Angela Bassett.

As gravações do longa estão acontecendo no Pinewood Studios, em Atlanta. Pantera Negra: Wakanda Forever estreia em 8 de julho de 2022.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Marvel’s Spider-Man 2? Foto indica que o jogo possa estar perto

Cheiro de jogo novo no ar.


Com o grande sucesso de Marvel´s Spider-Man: Miles Morales, a expectativa pela continuação dessa série é enorme, e uma simples foto deu esperança aos fãs da franquia.

O ator Nadji Jeter publicou uma foto dizendo que estava participando de uma gravação de captura de movimentos. ,esmo tendo apagado a foto, alguns internautas já haviam tirado um print da publicação.

Imagem

Marvel´s Spider-Man e Marvel´s Spider-Man: Miles Morales estão disponíveis para Playstation 4 e 5. Os jogos são exclusivos da Sony.

Apoie o Critical Room no Apoia.se.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

James Gunn revela que Guardiões da Galáxia Vol. 3 terá uma trama pesada

Este será o último filme do diretor na Marvel.


James Gunn, o homem do momento na Marvel e DC, revelou que o roteiro para Guardiões da Galáxia Vol. 3 é pesado e emocional.

O diretor-roteirista deu essa declaração durante uma entrevista ao site norte-americano Entertainment Weekly. Confira:

“Para Guardiões da Galáxia 3, o roteiro foi basicamente escrito por um longo tempo. Eu tenho brincado com ele de algumas maneiras ao longo dos anos, mas ele basicamente permaneceu o mesmo desde três anos atrás. É muito pesado, na verdade. É uma história mais pesada, então é um processo emocional a ser percorrido. ”

Gunn também comentou sobre o Especial de Natal dos Guardiões.

“Escrevi isso há alguns meses e estou muito, muito feliz com isso. Vou filmar ao mesmo tempo que Guardiões 3. Então, estamos usando alguns dos mesmos conjuntos. Acho que é vai ser um bom feriado especial.”

Guardiões da Galáxia Vol. 3 tem data de estreia marcada para o dia 5 de maio de 2023, enquanto o especial de natal estreia em dezembro de 2022. Grande parte do elenco como Chris Pratt (Senhor das Estrelas) e Dave Bautista (Drax) devem retornar.

Apoie o Critical Room no Apoia.se.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Crítica: Loki (1ª temporada)

Alerta: SPOILERS! Desça e leia por sua conta e risco.


Um novo passo para a Marvel na TV.


Após muito tempo de espera, a Marvel está finalmente trazendo o multiverso para o MCU, e Loki foi o início de tudo isso. A temporada se encerra de uma maneira esperançosa, mostrando o que vamos ver nos futuros filmes da Marvel e o que podemos esperar do “novo” deus da Trapaça.

A série nos mostra muito bem o desenvolvimento do personagem Loki (Tom Hiddleston), que muda de vilão para herói no decorrer do show, que inclusive, faz isso muito bem, introduzindo personagens como Sylvie (Sophia Di Martino), uma variante do Loki que acabou se tornando um possível par romântico, e é uma personagem extremamente importante. Ela conquistou o coração de todos os fãs, assim como Mobius (Owen Wilson), um personagem que esteve com Loki desde o início e foi um amigo durante todos os episódios; e esperamos vê-los novamente na próxima temporada. Esses personagens foram extremamente necessários para o desenvolvimento emocional do protagonista.

Um dos pontos mais altos, com certeza foram as variantes mostradas durante a série, como o Loki Clássico (Richard E. Grant), Kid Loki (Jack Veal) e até mesmo um hilário Loki jacaré. Todos eles tiveram uma participação importante e memorável, trazendo várias referências aos quadrinhos e nos mostrando o verdadeiro potencial de um Loki.

Loki-Episode-4-Post-Credits-Variants

Durante os episódios, os feitiços e magias foram bem mais exploradas comparadas aos filmes, onde Loki parecia meio limitado, usando apenas adagas e um pouco de sua ilusão. Mas, vimos na série, que seu poder pode ser muito expandido, e esperamos que os próximos filmes que contem com a participação do vilão use mais esse lado feiticeiro dele.

Falando mais da parte técnica, a trilha sonora da série é maravilhosa, sempre bem colocada e memorável, principalmente durante a cena do Loki Clássico criando a ilusão de Asgard, onde toca Ride of the Valkyries, mas em uma versão mais lenta e única. A trilha em si combinou também até com os cenários, que eram visualmente lindos e com um excelente efeito especial, nada menos que o padrão dos filmes e séries da Marvel.

327618fa507d94d91f1cd3667eee2f419fd373ff

Os atores parecem que nasceram para esses papéis, todos fizeram personagens inesquecíveis, carismáticos e que queremos muito ver na próxima temporada. E para acompanhar os atores, temos o figurino que é muito bonito, com trajes nostálgicos e que captam bem a essência do personagem.

Para não falar só bem da série, infelizmente teve alguns diálogos que eram bem desnecessários e muitos ainda tentavam ser complexos, mas falhavam nisso. Mas não é algo que irá atrapalhar a sua experiência assistindo.


Veredito

É uma série incrível para a família toda assistir pois está recheada de coisas boas e muito bem feitas. E ainda nos mostra coisas novas que ainda não vimos em nenhum filme ou série do MCU até o momento. Pra mim, é a melhor série da Marvel sem dúvida alguma. Vá correndo assistir!

9,5/10.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Kate Herron não voltará para a 2ª temporada de Loki

Novo ano já está em desenvolvimento.


Em entrevista ao Deadline, a diretora de Loki, Kate Herron, disse que não pretende retornar para a próxima temporada, já confirmada pela Disney+. Ela foi uma das grandes forças por trás das câmeras.

Anúncios

“Eu não vou voltar”, disse a cineasta. “Eu sempre planejei estar apenas nisso, e para ser honesta, a 2ª temporada não estava na mira – é algo que acabou de sair, e estou tão animada. Estou muito feliz de assistir como fã na próxima temporada, mas acho que estou orgulhosa do que fizemos aqui e dei tudo de mim. Estou trabalhando em outras coisas ainda a serem anunciadas.”

Até o momento, a cineasta diz que irá focar em seus projetos, e adoraria voltar a trabalhar com a Marvel Studios em algum momento.

“Estou apenas focada nas minhas próprias coisas no momento. Eu amo a Marvel e adoraria trabalhar com eles novamente, mas meu passeio com Loki  é o que fiz com eles.”

Sinopse: “Depois de roubar o Tesseract durante os eventos de Vingadores: Ultimato, uma versão alternativa de Loki é trazida para a misteriosa Autoridade de Variação Temporal (AVT), uma organização burocrática que existe fora do tempo e do espaço, e monitora a linha do tempo.”

O elenco da série conta com Tom Hiddleston, Owen Wilson, Gugu Mbatha-Raw, Sophia Di Martino Richard E. Grant. Kate Herron dirige a série, enquanto Michael Waldon produz.

Não há maiores informações sobre a segunda temporada de Loki.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Ms. Marvel | Detalhes sobre a origem da heroína no MCU são liberados

A informação é do site That Hashtag Show.


A série da Ms. Marvel no MCU é sem sombra de dúvidas a obra mais aguardada nessa nova fase deste universo mágico do estúdio. É justamente sobre ela que iremos falar hoje, principalmente sobre a origem de seus poderes na série.

De acordo com o site That Hashtag Show, a Kamala Khan do MCU não será uma inumana como nos quadrinhos. Segundo o relatório, Kamala será atingida por um raio de energia que lhe concedera os poderes de Ms. Marvel, ou seja, além de não ser inumana, a jovem terá poderes mágicos, mas ainda não fica claro se esses poderes são de seus braceletes ou não.

Já suas habilidades permanecerão quase iguais, o site ainda diz que essas mudanças podem ter ocorrido por conta do fracasso da série dos Inumanos e Kevin Feige não quer arriscar.

O vilão da série será Kamran, um amigo da Kamala é um inumano moralmente corrompido, porem essa parte inumana deve ser substituída, assim como aconteceu com Kamala. Ms. Marvel estreia neste ano e terá 6 episódios.

Criada por Sana Amanat, Stephen WackerG. Willow WilsonAdrian Alphona e Jamie McKelvie, a Kamala Khan apareceu pela primeira vez nos quadrinhos da Capitã Marvel, em Capitã Marvel #14. Capitã era sua heroína favorita, e quando a jovem muçulmana ganhou seus poderes, ela adotou o antigo nome da super-heroína, Miss Marvel.

Adil El Arbi Bilall Falah dirigem a série, que será estrelada por Iman Vellani.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Marvel | Miles Morales ganhará novo traje nas HQs

O design já foi revelado!


Em comemoração aos 10 anos desde a criação do Homem-Aranha de Miles Morales, a Marvel decidiu parabenizar o herói com um novo traje, e algumas outras surpresas.

O artista responsável pelo novo traje é Chase Conley, que revelou os primeiros designs da roupa em seu Twitter. Confira:

Miles

O desenhista ainda disse:

“Tive a oportunidade de redesenhar Miles Morales para o seu aniversário de 10 anos e queria trocá-lo e dar a ele uma silhueta diferente. Vi algumas imagens circulando, então estou postando uma página de poses. Vou postar mais ângulos em breve :)”.

Além do novo traje, a Marvel irá relançar as primeiras aparições do herói, Ultimate Fallout #4 e Ultimate Comics Spider-Man #1-5, em uma coletânea. E claro, o herói também aparecerá em todas as capas variantes da Marvel no mês de setembro e uma HQ especial em sua saga.

O décimo aniversário do personagem ocorre em agosto.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Loki | Variantes são destaques em novos pôsteres

Novo episódio irá ao ar na quarta-feira (14).


A Marvel divulgou novos pôsteres da série Loki, agora destacando cada variante do personagem, que apareceram no episódio anterior. Entre elas, podemos ver o Loki Crocodilo. Veja:

Anúncios

Sinopse: “Depois de roubar o Tesseract durante os eventos de Vingadores: Ultimato, uma versão alternativa de Loki é trazida para a misteriosa Autoridade de Variação Temporal (AVT), uma organização burocrática que existe fora do tempo e do espaço, e monitora a linha do tempo.”

O elenco da série conta com Tom Hiddleston, Owen Wilson, Gugu Mbatha-Raw, Sophia Di Martino Richard E. Grant. Kate Herron dirige a série, enquanto Michael Waldon produz.

Loki encerrará sua temporada na quarta-feira.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Viúva Negra | Sequência pode acontecer, diz diretora

Filme estreou ontem (8).


Após dois anos sem nenhum filme da Marvel Studios, Viúva Negra chegou ontem (8) aos cinemas e quebrou esta barreira, e já faturou pouco mais de US$ 35 milhões mundialmente. Com o sucesso em sua estreia, a diretora Cate Shortland concedeu uma entrevista ao ComicBook, dando indícios de que uma possível sequência pode realmente acontecer. 

Anúncios

“Acho que todos eles são ótimos personagens e acho que o que as pessoas querem é diversidade. Acho que queremos ver super-heróis femininos detonando”, disse Shortland. “Acho que todos estamos interessados ​​em ver mais deles.”

Mesmo que Scarlett Johansson tenha terminado seu ciclo como a Viúva Negra no MCU, a atriz Florence Pugh pode continuá-lo com Yelena Belova, assumindo o manto de Natasha Romanoff. Bastará saber o que a Marvel Studios planeja sobre isso em alguns anos.

Sinopse: “Em Viúva Negra, thriller de espionagem recheado de ação da Marvel Studios, Natasha Romanoff – a Viúva Negra – confronta as partes sombrias de sua profissão quando surge uma perigosa conspiração conectada com o seu passado. Perseguida por uma força implacável que quer derrubá-la, Natasha deve lidar com sua história como espiã e as relações quebradas que deixou quando se tornou uma Vingadora.”

Cate Shortland está na direção e Eric Pearson no roteiro. O elenco conta com Scarlett Johansson (Natasha Romanoff)Florence Pugh (Yelena Belova)David Harbour (Guardião Vermelho)Rachel Weisz (Senhora de Ferro) O.T Fagbenle (Treinador).

Viúva Negra está em exibição nos cinemas, e também no Disney+, com custo adicional no Premier Access.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios