Arquivo da tag: DC Black Label

Review: Batman/Mulher-Gato #2 (2020)

Fantasma começa seus ataques, com sua frase de efeito.


Tom King vai se desenrolando já com a sexta edição de Batman/Mulher-Gato para maio, pelo DC Black Label, e por enquanto, a segunda edição tenta retomar as rédeas de Batman: A Máscara do Fantasma. E o que pensar disso? Com Clay Mann, Tom King tenta retomar um grande clássico, misturando-o com seu arco no DC Renascimento

Anúncios

Se a primeira edição já é confusa para alguns, essa nova edição deixa tudo ainda mais confuso para os iniciantes em quadrinhos, e que não estão habituados também com A Máscara do Fantasma. Há, de fato, grande conexão com a animação, mas um toque de originalidade preciso do roteirista, elevando Batman em sua grande aventura após a morte do Alfred, e sua aliança verdadeira com a Mulher-Gato de uma vez por todas. Tudo o que acontece entre o passado, presente e o futuro, que, no entanto, é onde a história é narrada, tenta amarrar tudo, sem deixar pontas soltas.

batman-catwoman-phantasm-header-1253195-1280x0

Aos poucos, toda a trama vai se desenrolando. E quando digo aos poucos, é bem mais devagar como de costume. A curiosidade sempre vai despertar no leitor para saber qual é o próximo passo, o que aconteceu com o Batman, ou o que vai ocorrer entre o Fantasma e a Mulher-Gato. São diversas possibilidades, ramificando vários possíveis caminhos para a história andar. Nada será revelado aqui, para não dar spoiler, todavia, a leitura da nova edição é agradável, contendo algumas referências de todo o universo do Batman.

Como um par romântico de Bruce Wayne, Selina Kyle funciona, mas há uma interação e dinâmica assertiva muito maior como Batman e Mulher-Gato. O trabalho de Tom King em unir duas personalidades distintas, mas, que basicamente, se vestem de cinza e preto, é excepcional. De tantas outras edições, há uma melhora significativa na montagem do quadrinho, trama e dinâmica entre os personagens-título. Mesmo que Tom King não tenha sido o melhor em descrever o sentimento de amor para o Batman, seu desenvolvimento em ser um herói destemido, mas que possui fragilidades, é um ótimo trabalho. Ele pincela e renova outra vez um romance conturbado, que agora tem tudo para dar certo.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Não poderia esquecer também de Clay Mann com sua arte e traços bem detalhados, além de um visual inspirador e noir de Gotham. Acompanhado pelo colorista Tomeu Morey, a quem eu também rasgo elogios, a arte e coloração casam perfeitamente. Em partes onde o Coringa aparece, há mais cor, diferentemente quando o Batman aparece, mantendo o ar gótico de sempre, acinzentado e profundo, parecendo denotar o que Bruce sempre sentiu ao reviver seu passado.

Mesmo que ainda seja confusa, e parecendo ainda com mais nós do que a primeira edição, Batman/Mulher-Gato #2 tenta explicar aos poucos, o passo a passo que conecta o Batman e a Mulher-Gato com o Coringa e o Fantasma. Tom King utiliza os velhos métodos de Bruce Timm, além dos seus próprios, para manter o mistério acerca do que pode e vai acontecer, além de explicar o passado com frases no presente. Por enquanto, ainda há muito o que ser visto e explicado pelo roteirista, que está deixando seu nome na história do Batman.

large-2522847


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Review: Batman/Mulher-Gato #1 (2020)

Tom King retoma clássico de Bruce Timm.


Tom King, conhecido pelo sucesso em Senhor Milagre e por escrever grande parte do Renascimento do Batman, está de volta aos quadrinhos do Cavaleiro das Trevas, para explorar o passado de Bruce e o presente ao lado da Mulher-Gato. Agora, nessa nova minissérie para o DC Black Label, King pode explorar o lado mais obscuro da vida do casal, além de ir mais a fundo no passado de Bruce

Anúncios

O roteiro mais profundo, engloba toda uma construção passada recente, mas pode ser confuso para quem não viu Batman: A Máscara do Fantasma, ou leu algum quadrinho do DC Renascimento do Batman. Tom King está trabalhando ao lado de Clay Mann, o artista do quadrinho, que rebusca um novo visual para os personagens-título, com novas feições, cenários, mas uma velha história de romance e mistério. A HQ explora três períodos distintos: Os passado de Bruce, se envolvendo com Selina, o presente, em que a história é narrada, com a envelhecida Selina Kyle, e uma outra vez em que Andrea Beaumont reaparece em Gotham, pedindo ajuda para o Batman.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Sobre o primeiro período, não há mistérios, e o Coringa está surpreso com a relação da Gata e do Morcego. Aparentemente, assim como o Fantasma, ele sobreviveu à explosão, continuando sua onda de crimes, enquanto Andrea reconstruiu sua vida longe de Gotham, tendo tido um filho, ponto focal da história. Agora, num futuro próximo, Bruce está morto, e pelo jeito, já deixou seu legado como Batman na Terra. Nessa medida, Selina Kyle tenta se refugiar a um velho amigo, se abrindo com ele e citando Helena Wayne, a nova heroína da cidade e filha do casal. 

Ligando os pontos dos acontecimentos, tudo indica que o Coringa está por trás da tragédia que se passa na HQ, e o retorno do Fantasma, para se vingar do Palhaço. Todos querem se vingar, até mesmo Selina. Ela está disposta a matar o Coringa, após a morte do Batman. Quem sabe tenha mais alguém que queira a cabeça do inimigo mais famoso do Morcego.

IMG_3669

Clay Mann trabalha com uma arte mais detalhada, se aproximando bastante do que desenhou em Heróis em Crise. Ao lado dele, Tomeu Morey usa cores vibrantes e escuras, para representar a personalidade que o Batman passa. O teor gótico da arte, se casa com o funesto roteiro, que tenta montar, mais uma vez, um romance trágico entre Batman e Mulher-Gato. Aqui, é deixado de lado o romance, e colocado em pauta um mistério, curtindo o drama da pós-morte do guardião de Gotham. Tom King não costuma acertar muito em trabalhar a vida amorosa do Batman, mas, talvez nessa minissérie, ele consiga desenvolver melhor ainda do que em edições anteriores do Renascimento.

Apesar de confundir o leitor, fazendo-o se perguntar sobre o que está acontecendo, Batman/Mulher-Gato #1, entrega uma premissa mais trabalhada, madura e profunda, produzida por Tom King. O selo Black Label permite que o quadrinista desenvolva ainda mais o casal, mesmo que já o tenha feito antes, porém, com um incremento mais adulto e sério, deixando a ação um pouco de lado. No fim, a primeira edição é ótima, mas um pouco confusa. Não podemos nos precipitar e falar com base em apenas uma edição, temos de esperar as próximas para que finquem o pé no chão e comece as explicações.

BAT-CAT-1
Divulgação/DC Comics

Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

DC FanDome | Evento ganha novo nome e trailer épico; veja

DC FanDome: Hall of Heroes acontece neste sábado (22). 


Nesta quarta-feira (19), a Warner Bros. liberou um novo trailer de apresentação do Hall of Heroes do DC FanDome, reunindo vários painéis, diretores, celebridades e as principais atrações do Universo DC. Veja abaixo:

Anúncios

Antes chamado de DC FanDome, o nome mudou e agora será chamado de DC FanDome: Hall of Heroes. O site foi visto em manutenção pela manhã, e com isso, ocorreu uma grande mudança na programação. Os horários dos painéis do Hall of Heroes foram ajustados para um novo horário, e as outras áreas do evento, DC WatchVerse, DC YouVerse, DC InsiderVerse, DC FunVerse e DC KidsVerse foram todos deslocados para o dia 12 de setembro, com todos os painéis acontecendo às 14h. Os painéis serão reprisados no dia 13.

Em um comunicado oficial, a DC disse que ” podem garantir que você será capaz de ver e cobrir tudo sem estresse”. É uma separação, para que aconteça dois eventos em menos de um mês, não sobrecarregando o trabalho dos veículos de imprensa e os fãs. Foi uma forma para que ninguém perca nenhum painel das principais atrações e também das séries no WatchVerse, já que aconteciam no mesmo horário. Para conseguir um grande público para o WatchVerse, a DC optou por mudar o dia do segundo evento e focar no Hall of Heroes.

O evento vai trazer muitas novidades na área cinematográfica, como Mulher-Maravilha 1984, The Batman Esquadrão Suicida, novidades nas séries animadas e filmes animados, o DC Animated Universe; séries de TV da CW, DC Universe HBO Max, anúncios de quadrinhos e também de games, como o possível jogo do Batman, produzido pela WB Montreal e o já confirmado jogo do Esquadrão Suicida, desenvolvido pela Rocksteady.

DC FanDome será traduzido em dez idiomas, incluindo o português. O Hall of Heroes acontecerá no dia 22, começando às 14h (no horário de Brasília), e termina no dia 23 às 14h, sendo um evento de 24 horas. No dia 12 de setembro acontece o restante do evento, com reprise no dia 13. O Critical Room estará fazendo uma cobertura especial.

Anúncios

Questão irá retornar em novo selo da DC

O vigilante mascarado e um dos maiores detetives dos quadrinhos, Questão, irá ganhar seu arco solo no selo DC Black Label.

Questão: As Mortes de Vic Sage, irá contar a história de Vic Sage do ressurgimento e fim do vigilante. Confira a descrição:

Por anos, Vic Sage usou a máscara sem rosto da Pergunta para limpar as ruas de Hub City por pura força de vontade. Ele sabe o certo do errado. Ele conhece preto do branco. Mas o que acontece quando ele é atraído para uma conspiração que vai desde as alturas do poder de Hub City até as profundezas de seus túneis subterrâneos? O que acontece quando as coisas deixam de ser preto e branco e começam a ficar um pouco cinzas? E o que acontece quando, em uma câmara secreta no fundo da cidade, Vic Sage conhece seu próprio fim… e seu novo começo? O escritor vencedor do Eisner, Jeff Lemire, une forças com a lendária equipe de arte de Denys Cowan e Bill Sienkiewicz para ressuscitar Vic Sage, apenas para destruí-lo novamente… e novamente…

Em uma entrevista recente, Jeff Lemire conta como surgiu a história:

Na Comic-Con de San Diego do ano passado, Dan DiDio e eu estávamos conversando sobre projetos de sonho de torta no céu, e imediatamente disse o Questão com Denys Cowan porque a corrida de Denys e Denny O’Neil em The Question era definitiva e até agora antes do tempo “, disse Lemire. “Eles tinham uma voz tão singular que canalizaram para o personagem, e isso acabou de falar comigo.”

Com o roteiro de Jeff Lemire e arte de Denys Cowan e Bill Sienkiewicz, Questão: As Mortes de Vic Sage chegarão às bancas dos EUA apenas dia 20 deste mês.

Veja abaixo algumas prévias da HQ:

Atualizações de bilheterias – dia 11 à 13

Confira as atualizações de bilheterias feitas pelo Box Office Mojo do dia 11 à 13 de outubro.


Coringa
Orçamento = US$ 55 milhões
Bilheteria doméstica = 192,7
Estrangeiro = US$ 351,2
Total = 543,9
Data de estreia: 3 de outubro (Brasil); 4 de outubro (Mundial)

A Família Addams
Orçamento = US$ 40 milhões
Bilheteria doméstica = US$ 30 milhões
Estrangeiro = Sem estreia
Data de estreia: 11 de outubro (EUA); 31 de outubro (Mundial)

Projeto Gemini
Orçamento = US$ 138 milhões
Bilheteria doméstica = US$ 20,5 milhões
Estrangeiro = US$ 39 milhões
Total = US$ 59,5 milhões
Data de estreia: 10 de outubro (Brasil); 11 de outubro (Mundial)

Abominável
Orçamento = US$ 75 milhões
Bilheteria doméstica = US$ 47,9 milhões
Estrangeiro = US$ 60,1 milhões
Total = US$ 108 milhões
Data de estreia: 26 de setembro (Brasil); 27 de setembro (Mundial)

Ad Astra – Rumo às Estrelas
Orçamento = US$ 80 milhões
Bilheteria doméstica = US$ 47 milhões
Estrangeiro = US$ 73 milhões
Total = US$ 120 milhões
Data de estreia: 20 de setembro (Mundial); 26 de setembro (Brasil)

Rambo: Até o Fim
Orçamento = US$ 50 milhões
Bilheteria doméstica = US$ 42,9 milhões
Estrangeiro = US$ 24,5 milhões
Total = US$ 67,4 milhões
Data de estreia: 19 de setembro (Brasil); 20 de setembro (Mundial)

As Golpistas
Orçamento = US$ 20 milhões
Bilheteria doméstica = US$ 98 milhões
Estrangeiro = US$ 23,6 milhões
Total = US$ 121,6 milhões
Data de estreia: 12 de setembro (Países Baixos); 13 de setembro (Mundial)

O Pintassilgo
Orçamento = US$ 45 milhões
Bilheteria doméstica = US$ 5,2 milhões
Estrangeiro = US$ 3,5 milhão
Total = US$ 8,7 milhões
Data de estreia: 13 de setembro (Mundial); 10 de outubro (Brasil)

IT: Capítulo 2
Orçamento = US$ 80 milhões
Bilheteria doméstica = US$ 207 milhões
Estrangeiro = US$ 238 milhões
Total = US$ 445 milhões
Data de estreia: 5 de setembro (Brasil); 6 de setembro (Mundial)

Invasão ao Serviço Secreto
Orçamento = US$ 40 milhões
Bilheteria doméstica = US$ 68,8 milhões
Estrangeiro = US$ 58,8 milhões
Total = US$ 127 milhões
Data de estreia: 21 de agosto (Reino Unido); 23 de agosto (Mundial)

Velozes e Furiosos: Hobbs & Shaw
Orçamento = US$ 200 milhões
Bilheteria doméstica = US$ 173 milhões
Estrangeiro = US$ 585 milhões
Total = US$ 758 milhões
Data de estreia: 1 de agosto (Brasil); 2 de agosto (Mundial)

O Rei Leão
Orçamento = US$ 260 milhões
Bilheteria doméstica = US$ 542 milhões
Estrangeiro = US$ 1,104 bilhão
Total = US$ 1,646 bilhão
Data de estreia: 18 de julho (Brasil); 19 de julho (Mundial)

Angry Birds 2: O Filme
Orçamento = US$ 65 milhões
Bilheteria doméstica = US$ 41,3 milhões
Estrangeiro = US$ 94,6 milhões
Total = US$ 135,9 milhões
Data de estreia: 13 de agosto (Mundial); 3 de outubro de (Brasil)

Dora e a Cidade Perdida
Orçamento = US$ 49 milhões
Bilheteria doméstica = US$ 60,2 milhões
Estrangeiro = US$ 50,8 milhões
Total = US$ 111 milhões
Data de estreia: 9 de agosto (Mundial); 7 de novembro (Brasil)

Predadores Assassinos
Orçamento = US$ 13 milhões
Bilheteria doméstica = US$ 39 milhões
Estrangeiro = US$ 50 milhões
Total = US$ 89 milhões
Data de estreia: 11 de julho (Brasil); 12 de julho (Mundial)

Histórias Assustadoras Para Contar no Escuro
Orçamento = US$ 25 milhões
Bilheteria doméstica = US$ 67,8 milhões
Estrangeiro = US$ 26,7 milhões
Total = US$ 94,5 milhões
Data de estreia: 9 de agosto (Mundial); 26 de setembro (Brasil)


Fique ligado no site para mais atualizações.

Confira o trailer de ‘A Família Addams’:

‘DC Black Label’ lançará nova minissérie da Mulher-Maravilha

O novo selo da DC Comics, “Black Label”, irá ter uma minissérie nova. Mulher-Maravilha: Terra Morta (no inglês, Wonder Woman: Dead Earth).

A história se passaria num mundo pós-apocalíptico no qual Diana teria de lutar para proteger a última cidade do Mundo, e descobrir o que originou esse apocalipse .

Sinopse: “Situada (a história) num mundo onde Diana esteve num sono de séculos, a Princesa das Amazonas desperta num mundo dos homens devastado pela guerra nuclear, agora uma desolada terra-de-ninguém. Com seus antigos companheiros de combate ao mal já não presentes e os remanescentes da humanidade batalhando pela sobrevivência, a Mulher-Maravilha precisa enfrentar esta Terra desolada sozinha—protegendo a última cidade bastião da humanidade da ameaça de monstros gigantes, enquanto tenta descobrir a resposta do real mistério do que causou tal apocalipse à Terra, em primeiro lugar.”

A minissérie será dividida em 4 partes e será lançada em Dezembro. O roteiro e o desenho ficará a cargo de Daniel Warren Johnson, com cores de Mike Spicer. Confira a capa e previews sobre a HQ logo abaixo: