Crítica: Relatos do Mundo (2021)

Aviso: Crítica sem spoilers!


Que tal algumas notícias do mundo?


A corrida para o Oscar de 2021 já está ficando acirrada, e há mais um concorrente para tantos outros filmes lançados. Relatos do Mundo (News of the World, no inglês), do diretor Paul Greengrass, traz Tom Hanks como protagonista, em um western, ao mais estilo Red Dead Redemption. O filme é baseado no romance homônimo de Paulette Jiles, e explora o Capitão Jefferson Kyle Kidd, um veterano de guerra, que ganha a vida viajando por cidadezinhas para ler notícias do país aos moradores. Ele só não esperava encontrar uma garota perdida da qual mal sabe sua origem.

news7

Já vimos Tom Hanks em diversos papéis marcantes, como em Forrest Gump, O Resgate do Soldado Ryan e em Náufrago. Nesse novo filme, ele é uma mistura destes outros três antigos papéis. Em Forrest Gump, ele conta histórias, aqui são notícias. Já no segundo, seu personagem busca um soldado aparentemente “perdido”, e em Relatos do Mundo, o Capitão precisa resgatar a menina perdida. Por fim, em Náufrago, Tom Hanks está vagando uma ilha para encontrar o caminho para casa, e na nova aposta da Netflix/Universal, o Capitão tem de cruzar boa parte do território dos EUA para encontrar a família de Johanna (Helena Zengel). É claro que, não deixa de ser uma coincidência, se parar e analisar bem, e se você for um grande fã do ator, mas seria válido ressaltar.

Ambientado no Texas, em 1870, poucos anos depois da Guerra Civil Americana, em que a União (Norte) venceu os Confederados (Sul), a trama principal se constrói sobre uma época em que os sulistas estavam descontentes com as Emendas do pós-guerra, que aboliam a escravidão em todo o país, davam aos ex-escravizados direito ao voto e proteção, independente de sua cor. Para quem não conhece muito bem sobre a história da Guerra de Secessão, talvez não entenda as entrelinhas, e não é o intuito da obra se aprofundar nessas questões, mas sim, trazer um homem íntegro que está disposto a ajudar qualquer um.

image1

A premissa é simples, resgatar a menina e levá-la para sua família de origem. Porém, o entendimento do que aconteceu com ela não é tão simples como você pensa. Não poderei falar mais nada aqui, pois entregaria todo o filme, apesar da sinopse em alguns sites relatarem um pouco. Claro que “simples” não está no vocabulário do diretor, que torna o filme um atrativo de fotografia, ambientação e trilha sonora. São detalhes técnicos memoráveis na obra, que consegue explorar ainda mais o vasto Texas do século XIX.

1_db9dhYylWAeEHY4mEChX9w

Tom Hanks, ao lado da atriz mirim Helena Zengel, arrebentam em seus papéis. A atriz de 12 anos fez sua estreia em Relatos do Mundo, e já pode ter conquistado muitos estúdios por aí. Mesmo com poucas falas, suas expressões e ritmos compassados são um brilho para o espectador, ao tratar de uma atriz em sua estreia. Já Tom Hanks, por outro lado, precisa fazer seu personagem tentar entender o que a menina quer dizer em diversas ocasiões do filme. Há uma dinâmica muito bem explorada entre a dupla, com um elenco, no todo, funcional.

Apesar da beleza visual, a ótima mixagem e edição de som e o próprio figurino, infelizmente o longa não é acompanhado de muita ação. Por se tratar de um western, você realmente espera mais, com tiroteios pra lá e pra cá, mas não é o que acontece aqui. E também, não é a proposta que o longa-metragem quer passar, e sim, como as informações podiam ser tão úteis para aquela época, mesmo após tanto conflito que separou o país em dois. Quem não tem tempo para ouvir algumas notícias, não é?


Veredito

Relatos do Mundo é um western cheio de suspense, ambientado alguns anos após a Guerra Civil Americana. Com uma direção firme de um inspirado Paul Greengrass, e um roteiro fluido, Tom Hanks e Helena Zengel brilham em meio ao caos e problemas que seus personagens enfrentam.

Mesmo que o único ponto negativo seja a falta de ação no filme, todos os outros aspectos técnicos que incluem trilha sonora e fotografia, são marcantes, e seria justo ver o filme ser indicado em categorias técnicas ao Oscar. No mais, Relatos do Mundo entrega tudo o que prometeu.

9/10.


Quer receber mais conteúdos como este? Nos ajude a manter o site sempre atualizado!

Uma vez
Mensal
Anualmente

Faça uma contribuição única

Faça uma contribuição mensal

Faça uma contribuição anual

Escolha um valor:

R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00
R$5,00
R$30,00
R$100,00

Ou insira uma quantia personalizada:

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

ContribuirContribuirContribuir
Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s