Crítica: IT – Capítulo Dois

Alerta: SPOILERS! Desça e leia por sua conta em risco.


‘IT: Capítulo Dois’ foi lançado há algumas semanas, se você ainda não assistiu, recomendo que não leia a matéria por conta dos spoilers. Sem mais delongas, vamos a crítica.


O filme consegue ser uma mistura de comédia, drama, ação e terror. Esses pontos ficam claros em várias cenas. Um exemplo delas está no início do filme, onde o Clube dos Otários se reúne pela primeira vez depois de 27 anos. No começo, a cena é engraçada pelas piadas sujas de Richie e por toda animação dos personagens principais, depois ela fica tensa pela aparição da Coisa e dos pequenos monstros que aparecem nos biscoitos da sorte. E por fim, a cena assume um tom dramático depois do grupo descobrir que o Stan havia se suicidado.

Outra parte bastante interessante é quando os personagens vão em busca de objetos que marcaram a infância deles. Todas as cenas tiveram um certo valor emocional, Beverly voltando para casa, Bill indo ao bueiro onde seu irmão, Georgie morreu, Eddie indo a farmácia, onde comprava seus remédios, Ben voltando para a escola, na qual sofreu várias humilhações e Richie indo pegar uma ficha de fliperama. Esta última cena foi forte, pois é nela que acabamos descobrindo que Richie era homossexual.

Sem dúvidas a cena mais icônica do filme é a participação especial de Stephen King e o Bill reencontrando sua velha bike.

O problema de ‘IT: Capítulo Dois’ foi o excesso de jump scares (coisa que não teve no primeiro filme), personagens que foram esquecidos durante o filme e o próprio arco dos personagens principais que foi encurtado por conta da duração do filme. Porém uma coisa que ninguém pode reclamar é do final, principalmente por conta da morte de Eddie e a conclusão da saga dos otários.


Veredito

‘IT: Capítulo Dois’ é um bom filme, mas peca no excesso de jump scares, além disso bastante coisa foi alterada do livro e por conta disso muitos personagens foram mal desenvolvidos ou completamente esquecidos, e os arcos dos protagonistas ficaram de certa forma meio rasos.

Mesmo com todos os problemas, ‘IT: Capítulo Dois’ é um bom filme, mas não supera o primeiro.

7/10.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s